31 janeiro 2011

Só ria




Sorrir é arte
É abrir as cortinas
Mostrar os artistas brancos
Outros, nem tanto

Sorrir é preciso
Necessita-se de sorrisos
Só risos
Para fazer disso, um vício

O espetáculo nunca deveria acabar
As cortinas nunca deveriam se fechar
A alma deveria ser sempre nua
Sorrir deveria ser uma doença sem cura.



p.s. (Texto retirado do blogger  poesiasdoaugusto.blogspot.com  )

Nenhum comentário:

Postar um comentário