01 junho 2011

Será o fim?

Sinto-me desfigurada e insana

Sinto-me cansada demais pra continuar

Já me faltam as palavras!
Já não consigo descrever meus sentimentos!
Através da minha própria loucura

Sinto o meu corpo esvaindo, saindo da alma

Tudo está adormecendo em brandas desilusões
Ficam tantas frases por dizer
Aquelas, que hoje já não consigo escrever,
Falta-me o desejo
Os dedos começam a tremer
Rejeitando o que meu pensamento induz.

Esta sou eu,
Com soluços reais
Tentando ser poeta
Enquanto os que são, desistem
Será esse meu fim?
Espectro Insano
Imerso em desamores
Vivendo da nostalgia das tuas palavras?



p.s. Sentida pois não lerei mais as palavras do grande amigo e poeta platônico.

Um comentário:

  1. Lindo, não tenho palavras para agradecer ao carinho que você sente por mim, eu sei que se o meu #eulirico teve uma amizade verdadeira, essa foi a sua! Fica triste não, afinal de contas todo fim é só um recomeço!

    Abração

    ResponderExcluir