30 maio 2011

No Café


Tudo aconteceu pela manhã
Café forte e sem açúcar foi o pedido
O perfume da noite ainda estava em mim
E eles ali se movendo como se fossem invisíveis
Natural agir assim
Sentir o que já não posso mais sentir
Te sentir ali com outro corpo envolta do teu
O clima esquentou
O ar acabou
Estranho seria se eu te agarrasse e
Te levasse comigo
Normal seria 
Se o café descesse com naturalidade
Mas a decente atitude
Vem de quem tem força
Pois esse teu fogo que apaguei tantas vezes
Que elevava o meu ego
Esse teu poder de sedução
Que hoje agarra outro corpo
É como cobra traiçoeira
Prefiro vir a tomar "poison" do que
Explodir a raiva em ti.
Nada vale a pena, eu me amo mais.


Um comentário:

  1. Amigaaaa que lindo, tu ta inspirada mesmo
    Esse texto é direcionado neh?
    dá pra perceber
    Palavras sabias
    By: Geovana Lima

    ResponderExcluir