23 outubro 2011

Da série: Encontros

Na escada
No segundo degrau
Encontra comigo
Depois do pôr do sol.
Em expectativa
Em desespero balançando o pé
Em mãos geladas e impacientes.
Arrumo-me toda
Salto, vestido e meias
Batom, pulseira, colar
Gotas de perfume.
Nada disso talvez impressione.
Cada segundo é ouro.
A gente rir
Palavras e sussurros 
Mãos nas mãos
Beijos na nuca
Isso e muito mais no segundo degrau da escada.


p.s. Gosto de surpresas em lugares inusitados.


2 comentários:

  1. Olá, vim aqui agradecer sua
    visitinha no meu blog, passei um bom tempo
    sem entrar, me desculpa a demora!
    Obrigada pelo carinho, fico feliz pelas palavras!
    Beijos e fique com Deus*

    ResponderExcluir
  2. Os lugares inusitados sempre são surpresas inesquecíveis. A certeza é o sorriso no rosto.

    ResponderExcluir