25 setembro 2010

Além do mar

Tocastes em minhas mãos
trêmulas pela primeira
 vez.
Estava sentindo o vento e você
em sintonia perfeita; 
e além do mar cruel,
e antes das brisas virarem furacão
fui roubar a luz do 
seu olhar.


E junto a você
até a última pétala dessas rosas
caírem, estarei.
Até o último sôpro
estarei para sentir o 
teu gosto.
E a fragrância das rosas
irá eternizar teu abraço 
nos meus 
braços "this moment" pois o barco
que nos conduz, já possui o destino certo
a margem da 
felicidade.


Portanto...
Me abrace daquele jeito
e serei grata a ti!



Nenhum comentário:

Postar um comentário