14 setembro 2010

Simples assim..


...enquanto a noite não acaba
eu escrevo estes versos,
versos que precisam de inspiração 
própria.
Me arranje um motivo a mais para sonhar
acho que os que tenho são poucos.
Quero provar que sou capaz 
de te fazer...
Bem!
Que podemos percorrer a vida
na máquina do tempo
sem precisar gritar quando a dose de tristeza chegar.
Não desista do pouco construído.
Pela manhã sairei a tua procura
Se permita ser encontrado,
mas que seja por mim.
É tão simples!



Nenhum comentário:

Postar um comentário