21 setembro 2010

Mais alto estou


Eu estive rastejando pelas ruas, pelas

 montanhas
Meus joelhos esfolados de sangue e de 
esperança;
Cabelos cortados aliviavam o percurso que teria
pela frente.
Se conseguisse levantar... 

Estou conseguindo chegar
Minha missão está próxima do fim.
E não podia ignorar que distante eu o via
sentia 
compaixão
mais sabia que mais alto estava chegando.
Deixei todos atrás de mim
e levei tudo o que eu sei.

A água se aproxima
meus pés escorregam
Faltam algumas milhas...
Mas até lá eu não posso parar e
meu coração pulsa ansioso.
No caminho até aqui o ar se fez rarefeito
mas estou alcançando minha missão
as águas, o sangue, a dor
avivam minha esperança.


"Sinto como se eu pudesse ir muito mais longe"

Um comentário: