04 março 2011

Alma gentil



Alma sua gentil
 Que reside no amor ardente
Atraente
Que em meus olhos tão puros viste
Visão essa que merecer-te.
E mesmo que procure as perguntas
Que saiba das respostas
Que mesmo assim não responda
Ou que não entenda
Eu repetirei
Te pedirei sinceras desculpas
Por mais que venha me julgar totalmente
Continuarei a te mostrar
A te encarar 
Para que veja
E me siga
Para que ame 
E para que saiba
Que o Amor sempre salva e vence.

Um comentário: